Data Picos
Mercadinho Frigoleme
Lojão do ciclista
Malu Pneus
Auto Escape J Wilson
Drogaria Horizonte
Chaves Bebidas
Rondnelly Camarço
Lustosa Tur
SUS

Francisco Costa propõe regulação unificada dos serviços de saúde

Na prática, com o Complexo Regulador Estadual do SUS, será possível enxergar informações dos 224 municípios piauienses

02/07/2019 20h34
Por: Pablo Carvalho
Fonte: Redação Oeiras em Foco
(Foto: Instagram)
(Foto: Instagram)

Para garantir um sistema interligado com todos as centrais de regulação já existentes, o deputado estadual Francisco Costa apresentou nesta terça-feira (02), na Assembleia Legislativa do Piauí, o Indicativo de Projeto de Lei que trata sobre a criação do Complexo Regulador Estadual do Sistema Único de Saúde (CRESUS).

A proposta permitirá ao estado, além de regular os serviços de saúde, ampliar as condições de transparência desses sistemas, monitorar o cumprimento da Programação Pactuada Integrada – PPI e a Programação Geral das Ações em Saúde – PGAS, firmada entre os gestores de saúde.

“Sabemos da problemática hoje no nosso estado sobre a dificuldade de acesso determinados serviços de saúde, onde existe uma reclamação muito grande por parte dos usuários e também dos gestores municipais. Então, a nossa ideia é ter uma regulação unificada coordenada e monitorada pela secretaria de estado da saúde com mais transparência, mais distribuição”, relatou o parlamentar.

Na prática, com o Complexo Regulador Estadual do SUS, será possível enxergar informações dos 224 municípios piauienses, não só os leitos seletivos para encaminhar os pacientes, mas também os locais onde as consultas e demais procedimentos poderão ser feitos com maior agilidade conforme a capacidade resolutiva de cada estabelecimento.

De acordo com o Parlamentar, a ideia foi apresentada em forma de Indicativo de Projeto de Lei, por alterar de algum modo a estrutura existente hoje na Secretaria de Estado da Saúde, sendo portanto esta é uma prerrogativa do Poder Executivo “O projeto agora será encaminhado ao Governador do Estado do Piauí para, em tendo o vc interesse reenviar à esta Casa aí vamos defende-lo para sua aprovação” declarou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias