Data Picos
Lustosa Tur
Santos Auto Escola
Chaves Bebidas
Drogaria Horizonte
Lojão do ciclista
Malu Pneus
Auto Escape J Wilson
Mercadinho Frigoleme
Incentivo

Reeducandos da Penitenciária de Oeiras produzem petas caseiras

Recentemente, o secretário de Justiça, Carlos Edilson, fez a entrega de certificados do Procap.

13/06/2019 13h09
Por: Pablo Carvalho
Fonte: Redação Oeiras em Foco
Trabalho de ressocialização Penitenciária Regional de Oeiras
Trabalho de ressocialização Penitenciária Regional de Oeiras

As famosas petas caseiras ou biscoitos de polvilho, tradicionais no café da manhã do piauiense, são também produzidos, diariamente, na Penitenciária Regional de Oeiras. Os reeducandos da unidade penal, capacitados por meio de curso profissionalizante, produzem o alimento que serve de consumo no estabelecimento penitenciário.

Os cursos profissionalizantes ofertados no sistema prisional são ferramentas importantes para a ressocialização dos internos. Além disso, o conhecimento para novas atividades profissionais é imprescindível para dar novas perspectivas ao recluso, quando ele readquirir a liberdade.

Recentemente, reeducandos custodiados na Penitenciária de Oeiras concluíram o curso de Panificação e Confeitaria, uma oferta do Programa de Capacitação (Procap), por meio de convênio entre a Secretaria de Estado da Justiça (Sejus) e o Ministério da Justiça.

A gerência da unidade penal apoia os reeducandos nesse processo de ressocialização, e também a atividade laboral dentro dos presídios. "Os cursos fazem parte de um pilar primordial, que é a educação, pois sem ela é difícil a recuperação social. Vimos com bons olhos o empenho e a dedicação dos internos que fizeram o curso na unidade. Estamos vendo a possibilidade de aumentar a produção e tentar a comercialização das petas, que são umas das melhores da região", comentou Isaú Moura, diretor da penitenciária.

Atualmente, a produção das petas caseiras servem apenas para o consumo interno, já que os produtos são servidos como lanche na unidade. No entanto, a gerência da unidade espera aumentar a produção para servir, também, como fonte e auxílio na manutenção do estabelecimento penal.

Revisão Enem 2019

No domingo (16), a Secretaria da Justiça, em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), realiza a terceira revisão para o Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade, em 2019.

As aulas serão ministradas, a partir das 8h, na Penitenciária Regional de Oeiras. Em 2018, o sistema prisional do Piauí teve 354 inscrições e 59 aprovações no Enem.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias