Terça, 20 de Abril de 2021 03:36
89 988029890
Oeiras Sem contrapartida

SAMU Oeiras não recebe contrapartida estadual há mais de 15 meses; débito ultrapassa meio milhão

A soma dos dois valores chega a R$ 513.450,00.

07/04/2021 15h25
Por: Pablo Carvalho Fonte: Redação Oeiras em Foco
(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

O Portal Oeiras em Foco apurou que o Governo do Estado do Piauí não repassa a contrapartida de responsabilidade do estado junto ao Serviço de Atendimento Móvel de Oeiras desde outubro de 2019.

Segundo informações obtidas pela redação, os valores já ultrapassam meio milhão de reais, e já houve vários ofícios da Secretaria Municipal de Saúde Oeiras junto a Secretaria de Saúde do Estado do Piauí afim de que fosse regularizado a contrapartida.

O Portal Oeiras em Foco ainda teve detalhes dos valores, parte desse montante é referente a Unidade de Suporte Avançado que tem uma destinação mensal de R$ 15.400,00 valor esse que não é repassado desde de outubro de 2019 (há 18 meses), totalizando um débito de R$ 277.200,00.

E tem ainda mais três Unidade de Suporte Básico, essas tem um repasse mensal de R$ 15.750,00 e desde de janeiro de 2020 o governo estadual não repassou mais os valores totalizado um débito de R$ 236.250,00 (há 15 meses). A soma dos dois valores chega a R$ 513.450,00.

Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Oeiras implementou o funcionamento a Unidade de Suporte Avançado no mês de outubro de 2019, ou seja, desde a sua inauguração não houve repasse da contrapartida do estado. 

A Unidade de Suporte Avançado conta com uma escala de 04 condutores socorristas, 07 médicos e 07 enfermeiros, 04 técnicos em enfermagem, trabalhando em regime de plantão, 24h por dia, todos os dias da semana. O SAMU de Oeiras conta, atualmente, com um quadro funcional composto por 48 profissionais, que vão desde médicos a auxiliares de serviços gerais. O serviço é conduzido pelo coordenador-enfermeiro Gesmiel Gales.

O que diz o Serviço de Atendimento Móvel de Oeiras (SAMU Oeiras)

Procurado pela redação do Oeiras em Foco, o coordenador do SAMU Oeiras disse que sobre repasses e assuntos financeiros, devem serem tratados diretamente com a Secretaria Municipal de Saúde de Oeiras.

O que diz a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa)

Em contato com a secretária de saúde de Oeiras, Auridene Freitas, a mesma disse que preferia não se manifestar sobre o assunto pois já estava sendo tratado em outra esfera. 

"Gostaríamos de não nos manifestarmos sobre o assunto. O processo já está tramitando junto ao Ministério Público. Vou deixar a cargo para que o órgão faça a condução necessária", resumiu Auridene.

O que diz a Secretaria de Saúde do Estado do Piauí (Sesapi)

Ainda no início da tarde desta terça-feira (06), a redação entrou em contato com a Assessoria de Comunicação da Sesapi e pediu uma nota explicativa sobre o conteúdo acima e afirmaram que ia encaminhar ao setor e em breve responderia. Ao final da tarde do mesmo dia, fizemos uma nova tentativa e nos informaram que ainda não tinha uma posição.

Na tarde desta quarta-feira (07), fizemos uma nova solicitação para Assessoria de Comunicação da Sesapi e nos informou que ainda  aguardava uma resposta do setor.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias