Terça, 20 de Abril de 2021 05:17
89 988029890
Polícia Traumatismo

Perícia indica que Renata Costa foi morta com pauladas na cabeça, diz delegado

Segundo o delegado Luccy Keiko, a polícia ainda está investigando qual objeto foi usado no crime.

25/03/2021 15h54
Por: Pablo Carvalho Fonte: GP1
Perícia indica que Renata Costa foi morta com pauladas na cabeça, diz delegado

O delegado geral Luccy Keiko, da Polícia Civil do Piauí, revelou na tarde desta quinta-feira (25), que a jovem Renata Pereira da Costa foi assassinada com pancadas na cabeça. A morte da jovem foi confirmada pela polícia na tarde dessa quarta-feira (24), juntamente com a prisão do acusado pelo crime, o ex-vereador de Nazaré do Piauí, Francisco das Chagas Ferreira, o Chaguinha, que é ex-marido da vítima.

Conforme Luccy Keiko, a polícia ainda está investigando qual objeto foi usado no crime. Uma das hipóteses é de que Renata tenha sido morta a pauladas

“A perícia comprovou que a causa da morte foi um trauma no crânio. A fratura foi na região temporal esquerda por ação contundente. Pedaço de madeira é uma hipótese, ação contundente pode ter sido provocada por outro instrumento”, informou o delegado.

Ainda de acordo com o delegado Luccy Keiko, o corpo de Renata foi encontrado às margens de uma estrada na zona rural de Rio Grande do Piauí, e após perícias e exames de DNA foi possível confirmar a identidade e a materialidade do crime. Após investigações, foi pedida prisão do ex-companheiro da jovem.

Lucy Keiko

Prisão do ex-marido de Renata Costa

A Polícia Civil do Piauí prendeu, na tarde de quarta-feira (24), o ex-vereador de Nazaré do Piauí, Francisco das Chagas Ferreira, acusado de matar a jovem Renata Costa Pereira, sua ex-esposa, que estava desaparecida há quase três meses.

A informação da prisão foi confirmada pelo secretário de Segurança do Piauí, Coronel Rubens Pereira, e pela Frente de Mulheres contra o Feminicídio do Piauí. O ex-vereador foi preso no povoado Barreiro, zona rural de Floriano.

Entenda o caso

Renata Costa, moradora da zona rural de Nazaré do Piauí, desapareceu no dia 28 de dezembro de 2020 e desde então não houve mais notícias de seu paradeiro.

Segundo familiares da jovem, o ex-vereador e Renata tiveram um relacionamento conturbado.

O caso foi investigado a princípio pelo delegado Bruno Ursulino, e posteriormente a delegada Luana Alves, coordenadora do Núcleo de Feminicídio, realizou diligências em Nazaré do Piauí, para auxiliar nas investigações.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias