Terça, 20 de Abril de 2021 04:43
89 988029890
Polícia Caso Renata Costa

Delegada Luana Alves do DHPP chega a Floriano para ajudar no desaparecimento de Renata Costa

Jovem está desaparecida desde 28 de dezembro do ano passado.

25/02/2021 17h23
Por: Pablo Carvalho Fonte: Redação Oeiras em Foco
(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

A Dra. Luana Alves, delegada da Delegacia de Feminicídio, está em Floriano para trabalhar no caso da nazarena Renata Costa, jovem que está dada como desaparecida desde 28 de dezembro do ano passado. Ela residia na localidade Malhada Grande, município da cidade de Nazaré do Piauí.

A delegada já iniciou o trabalho de colhimento de informações para a investigação do caso. O delegado Bruno Ursulino já apresentou toda a sua linha de investigação e o objetivo é juntar as informações e compartilhar ideias.

O alvo principal no momento é ouvir principalmente a família, as pessoas que tinham algum tipo de envolvimento com a Renata como: tios, primos. Ela também destacou o ex-esposo e ex-vereador, Francisco das Chagas, o "Chaguinha", um dos principais envolvidos nas investigações.

Médica Caroline Naiane foi morta com pelo menos 18 facadas, diz delegada - GP1Delegada Luana Alves do DHPP (Foto: Reproduão)

Luana Alves é Titular do Núcleo de Feminicídio do Departamento de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP) em Teresina e tem atuado em vários casos de feminicídio, como por exemplo do empresário Pablo Henrique que atropelou propositalmente a sua Namorada Anuxa Alencar e a amiga Vanessa Carvalho e no assassinato da medica Caroline Naiane Brito Barbosa de 33 Anos, que teve como principal suspeito o ex-marido Kelson de Alencar Andrade.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias