Sábado, 26 de Setembro de 2020 02:37
89 988029890
Oeiras Piauí

Piauí foi o 3º estado que mais aplicou testes para Covid-19

No estado, apenas 1,9% das pessoas que fizeram o teste informaram que o resultado foi positivo.

21/08/2020 16h52
Por: Pablo Carvalho Fonte: Redação Oeiras em Foco
Piauí foi o 3º estado que mais aplicou testes para Covid-19

O Piauí foi o 3º estado que mais aplicou testes para identificar Covid-19, considerando desde o início da pandemia. Cerca de 10,5% da população piauiense fez algum exame de detecção da doença causada pelo novo coronavírus. No estado, apenas 1,9% das pessoas que fizeram o teste informaram que o resultado foi positivo. 

O Distrito Federal foi a unidade da federação que mais aplicou testes: cerca de 16,7% da população fez o exame e 2,8% dos testados tiveram resultado positivo. O Amapá foi o 2º com mais aplicação de testes (11%) e teve o maior percentual de resultados positivos (5,2%). No Brasil, cerca de 6,3% da população fez algum teste para detectar Covid-19. Aproximadamente 20,4% das pessoas testadas no país tiveram resultado positivo.  

Considerando o tipo de teste, cerca de 1,5% da população do Piauí fez o SWAB (teste de coleta oral ou nasal), cerca de 7% das pessoas fizeram o teste com coleta de sangue por meio de furo no dedo e 2,8% fizeram o com a coleta de sangue por meio de veia do braço. Uma pessoa pode ter feito mais de um tipo de teste para detecção da doença. 

Cerca de 19,8% dos habitantes do Piauí informaram possuir diagnóstico médico de pelo menos uma das comorbidades pesquisadas. A hipertensão foi relatada por 12,7% da população do estado, a diabetes por 4,3%, asma, bronquite ou enfisema por 4,2%, doenças do coração por 2,1%, depressão por 2% e câncer por 0,6%. Dentre as pessoas com doenças crônicas no estado, cerca de 2,4% informaram ter testado positivo para a Covid-19. 


* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias