Sábado, 04 de Julho de 2020 12:37
89 988029890
Oeiras Transparência

Câmara de Oeiras corrige site após debate sobre 'transparência pública'

Debate foi idealizado pelo Podemos com a participação do advogado André Portela, fundador da plataforma Custo Piauí.

15/06/2020 17h13
Por: Pablo Carvalho Fonte: Redação Oeiras em Foco
Site oficial da Câmara Municipal de Oeiras (Foto: Oeiras em Foco)
Site oficial da Câmara Municipal de Oeiras (Foto: Oeiras em Foco)

Após o debate realizado no dia 11/06, que contou com a participação de dezenas de membros filiados do Podemos, imprensa local e a participação especial do advogado André Portela, fundador da plataforma Custo Piauí, a Câmara Municipal se prontificou em corrigir acesso duplo às informações de transparência da casa no site oficial.

Durante a vídeo conferência, mediada pelo pré-candidato a prefeito de Oeiras, Último Campos, o advogado esclareceu o papel da plataforma Custo Piauí (www.custopiaui.org) em trazer uma maior clareza nos dados de despesas de órgão públicos, com a finalidade de expor ao cidadão o que está sendo feito com o dinheiro dos impostos que alimentam o setor público.

Dentre diversos tópicos, foi destacado pelo advogado André Portela que a Câmara de Vereadores de Oeiras possuía um difícil acesso às informações básicas, não conseguindo sequer alguma informação a respeito das despesas da casa legislativa municipal, sendo um ponto de destaque para otimizar a transparência neste órgão.

Logo após esse debate repercutir nas redes sociais e na impressa local, a Câmara de Vereadores de Oeiras, através de seu presidente o Vereador José Alberto comunicou ao Podemos que tomaria devidas providências para as atualizações no site oficial da casa legislativa municipal, trazendo todas as informações de forma clara, acessível e prática para a sociedade oeirense.

O empresário Último Campos afirma que essa notícia traz muita satisfação e indica que com diálogo, respeito e as ferramentas corretas pode-se sim buscar melhorias e cobranças efetivas para a transparência da administração pública.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias