Mercadinho Frigoleme
Auto Escape J Wilson
Lojão do ciclista
Lustosa Tur
Política

Ciro Nogueira admite distanciamento entre ele e Wellington Dias

“Tem duas eleições em que apoiamos o PT, então porque não pleitear o apoio deles? Mas, se não tiver esse apoio, paciência, vamos nos enfrentar", afirmou o senador.

24/01/2020 09h58
Por: Pablo Carvalho
Fonte: GP1
1.158
(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

O senador Ciro Nogueira, em entrevista na noite dessa quinta-feira (23), admitiu que ele e o governador Wellington Dias (PT) não estão mais próximos como no passado. Apesar de reafirmar a boa relação entre petistas e progressistas, ele foi taxativo ao avaliar que nos últimos anos houve um esfriamento da relação entre eles.

“Já estivemos mais próximos”, disparou o senador e presidente nacional do Progressistas. Cabe salientar que esse distanciamento foi aumentado desde que Ciro reforçou a intenção de chegar ao comando do Palácio de Karnak nas eleições de 2022. Essa intenção do PP tem gerado atritos entre lideranças das duas forças políticas.

Para Ciro, é natural que o Progressistas trace planos maiores para 2022. “O governador não tem mais direito a reeleição, se tivesse, era um constrangimento, e é um direito do nosso partido ter um candidato, pleitear, fazer um projeto político. Para isso, vamos tentar”, reafirmou o senador que anunciou que vai se licenciar do mandato para acompanhar in loco o desempenho do PP no processo sucessório deste ano.

Ciro Nogueira ponderou também que o bom desempenho do PP no pleito para o Governo do Estado perpassa pelo resultado eleitoral de 2020.

O presidente nacional do Progressistas garantiu ainda que não pretende romper relações com o Partido dos Trabalhadores. Contudo, caso não consiga o apoio do PT, o afastamento será inevitável.

“Tem duas eleições em que apoiamos o PT, então porque não pleitear o apoio deles? Mas, se não tiver esse apoio, paciência, vamos nos enfrentar. Gostaria da reciprocidade, mas não vou exigir isso”, concluiu Ciro.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias